Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ironias do Natal

Introdução.
Natal é uma festa cristã. Qualquer pessoa, medianamente culta, sabe disso. O que se percebe, no entanto, é um desvirtuamento dessa concepção e o uso comercial desse evento.Tanto que a função original do Natal está totalmente descaracterizada na comunidade em geral. Parece que somente no interior das igrejas é que se relembra o verdadeirO sentido do Natal.

IRONIAS DO NATAL

As mesmas luzes esmaecidas
Do ano passado
Enfeitam tristemente
Ruas e vitrines ...
Busca-se, em poeirentos caixotes
Antigas melodias. Sempre as mesmas...
Que sentimentos conseguirão ainda despertar?

Cada vitrine ostenta
Com suposta originalidade
Aquela inconfundível criatura
Traje ridículo para a idade
Quem é a tal figura?
Caricatural
Central
Banal
Do Natal?!!!

Ruas fervilham, gente apressada
Com  coloridos pacotes
Foi até   instituído
(Sem fins comerciais,  claro...)
Salário extra pro trabalhador
Alimentar o consumo
Consumindo-se na ilusão
De dar e receber presentes
Endividando seu amanhã

O Natal é importante?
Claro que é!
Qualquer criança sabe:
Natal é uma grande festa
É o dia de receber presentes
Daquele estranho velhinho
Que no mais escaldante verão
Chega vestido com botas
Luvas e mangas longas
Traz até um gorro na cabeça
(Para proteger-se do sol???)

Alguns até conhecem
Uma outra história de Natal
De um menininho que nasceu
Justo nesse dia
E que por isso
Algumas vezes é lembrado
Junto com Papai Noel
Mas isso não é importante
Pois o menininho era pobre
(Gente pobre não dá glamour...)

Nasceu numa gruta ou coisa assim
Na palha, entre animais
Tudo meio ecológico...
E depois foi cuidar de ovelhas
Ou construir móveis com seu pai
(Será que ele também viu Papai Noel?)
Talvez ganhasse presentes no Natal...
Pois era seu aniversário!!!

Esse é o Natal que vejo em minha volta...
Você enxerga outro???
Serelepe
Enviado por Serelepe em 15/10/2006
Reeditado em 18/11/2006
Código do texto: T265230

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Serelepe
Curitiba - Paraná - Brasil
552 textos (36122 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:08)
Serelepe