Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM NATAL IGUAL PARA TODOS

Como posso passar um feliz Natal, como posso me sentir assim feliz,

Se não é um Natal para todos igual, se meu irmão, meu amigo é infeliz?

 Se alguns estão morrendo de fome, alguns até ameaçados de morte.

Se no mundo existe quem come e outros que não tem esta sorte?

 

Que animais fossem todos respeitados, que não lhes faltassem abrigo e alimento.

Que pássaros em seus vôos não interceptados, que não lhes imputassem sofrimento.

 Queria crianças saudáveis e educadas, sempre felizes, junto à seus pais

Que fossem crianças muito amadas, a elas, respeito não lhes faltassem jamais

 

Queria que a dor não prevalecesse, que ninguém sofresse enfermidade.

Que velhos no asilo não morressem, jamais abandonados pela sociedade.

 Que não houvessem feridos de guerra, que a paz estivesse sempre presente.

Que só Cristo reinasse sobre toda a terra, eu queria um Natal tão diferente!

 

Queria que não houvesse diferenças no real e preconceito nunca mais.

Eu queria todos irmanados no mesmo ideal, será que estou pedindo demais?

Que o mundo fosse somente uma família, onde o líder fosse o menino Jesus.

Que sempre fosse o Natal de alegria, que não precisasse o sacrifício da cruz.

 

Renate Emanuele
Enviado por Renate Emanuele em 05/12/2005
Código do texto: T81441
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Renate Emanuele
São Paulo - São Paulo - Brasil, 71 anos
136 textos (10572 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:28)
Renate Emanuele