Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Se bebesse aos 14 anos



Vai aguardente
Adentre vagarosamente o meu corpo.

Arda veemente a minha garganta,
Desperta a produção de saliva
Excessiva nos cantos profundos
Da minha gengiva.

Corre no meu sangue
Queima as minhas veias
Desperta as minhas vistas fatigadas.

Torna-me sincero
Torna-me dominado pelos meus instintos,
Instintos de um homem covarde.

Só assim posso queimar diante do teu desejo
Só estando fora do meu estado consciente
Posso ajoelhar-me frente à verdade.

(a única verdade que importa).
(o meu amor por ti)

mário cardoso
Enviado por mário cardoso em 19/01/2006
Código do texto: T100805

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site http://recantodasletras.uol.com.br/autores/abelha). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
mário cardoso
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 31 anos
370 textos (14927 leituras)
3 áudios (241 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 12:03)
mário cardoso