Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CIGARRA

O que sempre quis mesmo foi cantar.

Mais do que compor,

Interpretar

De semelhante peito uma canção...


Eis a minha forma pura de amor.


O medo é que me fez trair

Meu dom, domou-me a  fera e seu rugir

E agora, nesta escrevidão*,

Desato o canto emudecido

Estampo em letras minha dor

Preciso ser ouvido:

Antes que me esqueça o Tempo

Enquanto for capaz de invento

Pelo tempo que durar o estio

Enquanto este calor avassalar o frio.


* QUE FALTA FAZEM OS ITÁLICOS !
Nelson Oliveira
Enviado por Nelson Oliveira em 22/01/2006
Reeditado em 30/01/2006
Código do texto: T102246
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nelson Oliveira
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 55 anos
345 textos (25580 leituras)
2 áudios (313 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:12)
Nelson Oliveira