Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Talvez o tempo tenha nos deixado...

Talvez o tempo tenha nos deixado
Malucos demais, loucos demais,
Talvez o tempo seja uma conspiração
Maluca & louca como sempre,
Talvez estejamos apenas divagando
Tentando alterar a ordem dos fatores
Sublevar todo um sistema
Maluco & louco por contingência
Talvez tentamos perder a noção do tempo
Com tanto tempo que perdemos
Tentando explicar aquilo que não precisa
Basta ver nas ondas dos rádios & das TVs
Completamente alucinadas na sua loucura
Talvez tentamos aprender de trabalhar
Trabalhando com toda a falta de estrutura
Tirando água de pedras por uma miséria
Satisfazendo algum ego perdido
Adoidadamente louco & insano
Talvez sejamos malucos-belezas
Pirando nessa alucinada visão comercial
Esquecendo os prazeres de todos os dias
Trocando o dia pela noite & sei lá mais o que...
Nessa insana orgia de fazer perfeito, tudo...
E quase ficando maluco por isso
Na base do agita & incendeia
Que tem mais um evento pra tocar amanhã,
Que tem mais uma ligação pra fazer,
Tem uma arte pra mandar,
Mais uma loucura pra resolver,
E mais uma noite passada em branco.

Peixão89
Leves Fragmentos – 1999-2000
Peixão
Enviado por Peixão em 07/04/2005
Reeditado em 18/08/2009
Código do texto: T10265
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120253 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:45)
Peixão