Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ao som do vento...

No som de uma nota musical, seu nome soa ao vento, ecoa vibrações, no relento a meia luz, sinto seu perfume de jasmim em botões desabrochando na calada da noite.
Na tela pintada a óleo, retrato de mulher em meio às flores, moldura sonhos e desejos no brilho do olhar.
De sua face, derrama lágrimas de dor, semelhante às gotas de orvalho na madrugada fria.
O choro do vento murmura no telhado das casas, no silêncio escuta-se a voz do coração, batendo descompassado, apressado na angustia que acalenta.
Nas músicas que marcaram época, lembro-me da réplica de um amor vivido.
Matizes de cores em jardins floridos, pétalas caídas ao longo do caminho percorrido.
Suor frio, face pálida, no mundo sem destino.
Um triste vazio, de algo inesperado, desesperado perdido sem rumo.
De um olhar negro profundo, acalenta a mágoa do abandono.
O som do vento arrasta minha sina, folhas caídas no outono e florescem viçosas em verdes esperanças, no sorriso encantador da criança.







Escrito em: 02.02.2006
Por Águida Hettwer


Águida Hettwer
Enviado por Águida Hettwer em 25/01/2006
Código do texto: T103616

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Águida Hettwer
Sapiranga - Rio Grande do Sul - Brasil, 42 anos
1258 textos (116419 leituras)
15 áudios (2138 audições)
6 e-livros (2257 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:36)
Águida Hettwer

Site do Escritor