Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ACOMETA-ME




Cometa que passa no meu céu estrelado
Que me faz cometer loucuras anil
Embebedando-me do teu mel no cantil
Que trazes no teu passeio atrelado ao sinal
Cometa, cometa também tua loucura
Acometa-me

Deixa-me louca em tuas estranhas
Possua-me de formas estranhas
Aonde nem mesmo os deuses chegaram
Como insana luz, deixa-me queimar-te a pele
Dourar tuas faces e fazer arder-te de prazer


Acometa-me, Cometa fugaz e ligeiro
Feito risco de foguete que rabisca minha pele
Tatua-me de tua passagem milenar
Na miscelânea do meu ser ágil e herege

Reage , emerge da estagnação que te colocaste
Eu te espero e te quero
Passas loucamente...e loucamente passo-me em ti
Cometa de luz fulgente, nem sempre estarei aqui
Não demores tanto para chegar
Pois também sou cometa e por outro céu irei passear

Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 09/04/2005
Código do texto: T10497

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (916761 leituras)
16 áudios (8882 audições)
311 e-livros (34110 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:22)
Denise Severgnini