Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR NO INFINITO



Amor é sentimento silente
Dói ali,na alma, mansamente
Ou alimenta o coração da gente

Tem amor de corpo, envolve sexo
Todavia, há um amor mais complexo
Amor de alma,parecendo amor sem nexo

Quem entende?...Quem explica?
Amor que nasce da palavra escrita
Amor que em poesia habita
Amor que no peito palpita

Desconhece a face do poeta
Reconhece no verso, o sentir profeta
Só não o sente, o ser asceta...

O amor do qual falo, não tem lógica
Nem explicação matemática
Ignora a retidão da gramática
Desrespeita as leis da Física

É um amor bonito
Que de tão lindo
Só frutifica no infinito

Não está à venda, nem em liquidação
Só o sente, quem tem coração
Pode ser vivido na aurora, na tarde
À noitinha, nas madrugadas
É um querer constante, desenfreado

Há beijos de almas entrelaçadas
Num sem fim de felicidade
É impossível esconder uma verdade
O poeta confessa:

Eu não posso negar que te amo.

Denise


Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 10/04/2005
Código do texto: T10637

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (916764 leituras)
16 áudios (8882 audições)
311 e-livros (34110 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 09:01)
Denise Severgnini