Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando Achada

O que levaria o poeta
Outrora quieto
A amarrar estes versos
Com um nó tão firme?

O poeta tem uma função
Por vezes indesejada
A de pegar soltos no ar
Os versos e dar uma amarra

E com amarras firmes forma
E transforma seus sonhos em palavras
é como se a caneta estourasse
e sozinhos os versos formassem.

Versos de mentira, guerra, fome?
O poeta não os fez
Ele apenas os pegou
Amarrou e deu o nome.

Gustavo Chaves, dezembro de 2005
Gustavo Chaves
Enviado por Gustavo Chaves em 01/02/2006
Código do texto: T106802
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gustavo Chaves
Mundo Novo - Bahia - Brasil, 27 anos
17 textos (830 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:33)