Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sou um abutre...

Sou um abutre
A caça de muitas presas
Não é, a pura carniça,
Nem pequenos filhotes.
Sou um abutre
Diferente
Minha fome se sacia
À pena,
Ao lápis,
A um simples poema.
Sou um abutre
E minhas caças, são as palavras,
Delas fazendo meus filhotes
Delas fazendo pura carniça
Aos olhos de quem vê
De quem le
Sou um abutre
As linhas são simples
E as cabeças complicadas.

Peixão89
Medo de Amar - 1984
Peixão
Enviado por Peixão em 13/04/2005
Reeditado em 30/08/2009
Código do texto: T11112
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:17)
Peixão