Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ADEUS (Dueto Poético Denise/Valeriano)

ADEUS

Valeriano Luiz da silva

Adeus é forma de despedida
Que geralmente provoca dor e também ferida
Dizemos adeus a alguém que partiu desta vida
Mas com o passar dos tempos já está esquecida
Mas tem o adeus do amigo que um dia mudou
Que voltou novamente e com carinho me abraçou

Anápolis-Go, 08/02/06
valerianols@globo.com
www.albumdepoeta.com

ADEUS

Circulando por ai
Vou pintando meu medo
Das cores do arco-íris
Vou pensando
Vou sentindo
De leve partindo

Sem rumo certo
Circulo
E o círculo se fecha
Não deixando uma brecha
Para eu me infiltrar

Vou indo devagar
Para não me assustar
Com a dor do adeus

O anel quebrou-se
O encanto rompeu-se
As amarras desoldaram-se
O fim chegou

Vou colocar the end
Como aviso de porta
Melodia torta
Não quero escutar

Circulando e pintando
Meus mais recentes medos
Alicerçam meus segredos
Coisas inconfessáveis dissolveram-se

Vou indo e não me sigas
Por favor!

Denise Severgnini 

POR IRONIA DO DESTINO, ADEUS, FOI MEU ÚLTIMO DUETO POÉTICO COM VALERIANO.
Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 20/02/2006
Reeditado em 20/02/2006
Código do texto: T114276

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (916684 leituras)
16 áudios (8882 audições)
311 e-livros (34109 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:45)
Denise Severgnini