Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O meu copo erguido...

O meu copo erguido
Vaso entreaberto em rosas
Cheiro do mar
Mar, cheiro do mato, ar,
Transborda pela borda
Uma saliva doce no meu copo
E o seu copo
Transparece toda a sua nudez
Do seu corpo, doce,
Cheiroso como a rosa
Harmoniosamente céu e mar
E juntos, brindamos,
Um lindo entardecer.

Peixão89
Caminhar - 1984
Peixão
Enviado por Peixão em 16/04/2005
Reeditado em 11/07/2009
Código do texto: T11579
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:31)
Peixão