Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DE LONGE O AMOR É AZUL

Um astrônomo já tinha me avisado:
A única estrela de brilho real e verdadeiro é você.
Não me surpreendeu:
Se fecho os olhos as estrelas do céu
desaparecem e só teu intenso brilho permanece...

Um poeta já tinha me avisado:
A única musa que faz um bardo delirar é você.
Não me surpreendi:
Basta um olhar e todo o meu corpo canta a canção
que atravessa todos os séculos...

Um astronauta já tinha me avisado:
A única meta de toda nave é pousar onde você estiver.
Nada me surpreende:
Quando abre teus braços tudo ao seu redor
busca o seu refúgio...

Meu coração já tinha me avisado:
Bate e se debate porque sabe que te sentir é amor.
Não me surpreendo:
À volta do meu coração enrodilho-me para pulsar
porque és o ritmo da minha alma...


Preto Moreno











Preto Moreno
Enviado por Preto Moreno em 02/03/2006
Reeditado em 04/03/2006
Código do texto: T117858

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Orivaldo Grandizoli). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Preto Moreno
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
6768 textos (102472 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:32)