Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mulher Poesia

Mulher
tu és toda minha inspiração
teu corpo é onde sinto a poesia
teu jeito, traços, formas e curvas
mulher das minhas estrofes
versos mulher
nessas linhas me perco em demasia

das minhas pobres rimas de um poeta amador
meu sentir despertou tesão
me fez eu sonhador
e te amando vou rimando
te querendo ainda mais bela
pudica e nua
longe da luz da cheia lua
te levo com minha prosa
e vou te despindo
como se despétala
a perfumada rosa
tão bela visão
sede e fome
dos beijos na boca
das mãos alisando gostosas coxas
arrepiam emoções
provocam
palpitam corações

mulher
espere o meu agir
que será bem diferente
desses platônicos versinhos de adolescente

Mulher
que estás tão longe
distância judia
que por agora é alimento
engordam saborosos desejos
que não saem de minha tarada mente
Plínio Sgarbi
Enviado por Plínio Sgarbi em 05/03/2006
Reeditado em 02/10/2007
Código do texto: T118872
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Áudio
Mulher Poesia - Plínio Sgarbi
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Plínio Sgarbi
Jaú - São Paulo - Brasil, 54 anos
241 textos (218036 leituras)
21 áudios (3298 audições)
5 e-livros (510 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 17:45)
Plínio Sgarbi