Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTILHAÇOS DE LETRAS...

 
Sinto teu corpo largado em meus braços...
A noite que se finda...
Inspira-me a compor poemas ousados...
As palavras como balas...
Explodem em pequenos estilhaços...
Lançados ao papel...
Transformam-se dando forma ao cio saciado...
Largados entre nossos corpos...
Os papéis foram testemunhas de nossos ousados toques...
Nossos alucinantes beijos...
Ouso unir estes estilhaços de letras...
Escrevo o que sinto...
Meu corpo se arrepia...
Com nossos devassos desejos...
Agora descritos no papel frio...
Tomam formas descrevem nossos desvarios...
São loucas delícias...
Que como um pavio...
Acendem a minha vontade de escrever...
Repasso ao papel...
Em traços rudes...
E às vezes em delicados traços...
Ouso me inspirar em teu corpo esguio...
Sorvo do teu néctar...
Que uso como tinta para minha pena...
Risco e rabisco...
Desfaleço em teus braços...
Exausto e inebriado pelo prazer...
De escrever um poema erótico...
Em teu corpo esguio...
(Ocram 28/03/05)
Ocram Ilha
Enviado por Ocram Ilha em 19/04/2005
Código do texto: T11928
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ocram Ilha
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 52 anos
658 textos (325870 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:34)