Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Me liberte

Em algum poço fundo se escondem mágoas
De um mundo submerso em frias águas
Na imensidão do mar salgado,
O marasmo.
Lembranças fatiadas, retalhadas, manipuladas,
Retratadas na expressão do meu rosto
Necessário é não ver,
Necessário será correr,
Necessário foi não dormir para ver o sol nascer
Necessário foi o rancor para ver o sol se pôr
Aprendi a aprender na outra face do morrer
Para então esclarecer a carência de um viver
Um outro vôo mais raso aproxima a realidade
Sem expectativas, sem sonhos, apenas a verdade
Mostra-me então toda essa disparidade
Há mais do que veneno construindo a felicidade
Já não há mais um valor comprando minha dignidade.
M K
Enviado por M K em 13/03/2006
Reeditado em 28/06/2009
Código do texto: T122824

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Marcos Vinicius Kaminski Filho). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
M K
Curitiba - Paraná - Brasil, 33 anos
52 textos (2381 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:08)