Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amada Poesia

 
É em teus braços que me aninho,
Sei que em ti, vôo quase cega
Mas aqui nunca me falta carinho,
Quando o mundo todo me nega.
 
Em ti companheira e cúmplice
Repouso a alma sem reservas,
Ainda que cale a vida sob judicie;
Em liberdade meu riso conservas.
 
Nossa aliança foge da multidão,
É pacto que só a nós interessa,
Pulsa em cadeia, jorra pelo coração.
 
Esgota teoria e de amor não cessa,
Pois sobrevive muito além da razão,
É realização muito mais que promessa.
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 14/03/2006
Código do texto: T123156

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55638 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:30)
Angélica Teresa Almstadter