Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Sujeito...

Um sujeito que nasceu e viveu
Logo repreendido durante sua vida
Foi surpreendido pela sua despedida
 
Um ser que existiu e que insistiu
Se aprisionou em seus atos, pensou que era justo
Achou seres muito aptos, descobriu que a vida tinha custos
 
Então ele lutou loucamente, foi persistente
Moveu-se por toda a cidade e não achou o que procurava
Sentiu-se numa calamidade, sua alma se calava...
 
Era um sujeito, assim de qualquer jeito
Que acreditava que tinha o mundo
E que as pessoas eram felizes
Até que ele acordou do sono profundo
Viu que a realidade estava em frente ao seu nariz
Construiu suas fortes matrizes...

Caiu na real, chocou-se
Achou-se banal, calou-se
Realizou um sonho normal...
Caminhou...
Continuou...
Encontrou-se...
-------------------------------------------
http://gustavovegas.blog.comunidades.net/
http://spaces.msn.com/gustavo-vegas/
O Escritor Randômico
Enviado por O Escritor Randômico em 14/03/2006
Reeditado em 09/04/2006
Código do texto: T123267
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
O Escritor Randômico
Curitiba - Paraná - Brasil, 28 anos
61 textos (5639 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 06:26)
O Escritor Randômico