Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A vida (viagem (n)um barco)

Remar sempre, pois a vida é um rio e a riqueza, seu leito.
Doe vida sempre, vida plena, diuturnamente com premoção.
O remanso deste nosso rio é a vastidão dos sonhos,
Vale a pena  rimar pedras, barrancos e o próprio destino.

Quando o curso deste rio é amor, a pesca é o retorno,
O remo é coragem e a vida uma corredeira imensa e bela!
Para conquistarmos a plenitude neste santo ritual,
Que haja vontade e força para chegarmos ao final!

E nesta empreitada nos vemos a buscar, criar, pescar.
O tempo, num aprendizado constante, benéfico será,
Mudar o curso do rio, nem para cessar calamidades,
Somos Seres de Deus, Ele sabe a real necessidade.

Entregarmos-nos ao rio sem remo é castigar a própria sorte,
Mas remando com garra não temeremos a morte,
Ela é a seqüência da vida, não há como mudar tal sorte!
                         
                                           Nina_2001/06/02
Nina
Enviado por Nina em 15/03/2006
Código do texto: T123764

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Nina_Tupã - SP/ nininha_1308@hotmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nina
Tupã - São Paulo - Brasil
726 textos (41734 leituras)
2 e-livros (96 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:22)
Nina