Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Saudades de Goiás


Goiás
Noites iluminadas
Natureza que fortalece
Serras, morros e águas
Como és linda !
Teu luar.
O por do sol.
Os sinos
O verde
As flores e frutos.
Os rios e cachoeiras.
Velhos casarões
Ruas de pedras em desalinho
Sol entrando entranhas
Fortalecendo nossa alma.
Tu és jovem!
e quem aqui vive
não envelhece,
É a eterna juventude
De Cora Coralina.
Goiandira do Couto
Elder Camargo, grande goiano
Ely Camargo com suas canções
De Antolina, a inesquecível.
Tia NHÁ, nossa  amada.
Davininha,
Voz de uma candurade de anjos.
Hoje, calada por uma eterna dor.
Mas tenho fé que voltara a cantar
Nas ruas...
ao Luar.
Nas procissões.
Nas paradas das dores, das Veronicas
e todas as outras vozes.
Dona Adelaide,
com sua riqueza infinda,
Sua beleza e bondade de Mãe e
seus doces que ficarão para a história.
João de Issac e seus pastéis que nunca serão esquecidos
Joãozinho, Elza e Ailton.
Eternos no recordar.
Cidinha Coutinho,Terezinha,Helô
Fátima,João,Tadeu. Cici
Seu Jorge e dona Olandira,
bons momentos ao lado de todos vocês.
Saudades...
Joyza e Joyce...
figuras marcantes
e sem saber, minhas primas.
João Abel, meu amigo.
Só saudades e lembranças.
Colégio Sant'Ana.
Ir. Edilberta,
hoje nossa mãe e amiga de caminhada.
Ir.Maria José e todas tão queridas no meu recordar.
Professora Dolcy Caiado,
"o que dá na cabeça, na cabeça dá"
toda minha gratidão.
Mirna e Maria Helena Caiado... Saudades
Esmeralda e Goya, amigas inseparáveis
E a todos que ali moram.
Difícil enumerá-los
Sandra,Eliane Loyola e sua familia.
Milza,Cicero, canduras de amigos.
Vania Lúcia,
no seu eterno sobrado,
do Lago do Rosário.
alma que me entende.
Tia Olimpinha,
com seu sorriso de criança.
Vera Azeredo
companheira e amiga de longas eras, mais que irmã.
Luz que irradia em todos de Goiás.
Tornando-os amigos fiés e amorosos.
Maria Helena Brandão, figura marcante.
Marilia, Magda, Marlene
Trina maravilhosa e abençoada e toda sua família.
Goiás vida.
Serra dourando nossa alma.
Só lembranças, só saudades...
Tia Lu, Therezinha, Gazinha
Circinha e Nelson, nosso Pai tão amado.
Minha gratidão eterna por ter me acolhido.
Cleusa Velasco a esperar na ponte.
Neuzinha, Magda e Marcia Curado
Amigas  de alma e coração....
Inesquecíveis.
Tempo bom o nosso na
Praça do Rosário.
Árvore frondosa onde descansávamos
à sua sombra
Goiás é saudade pungente.
E é gente que não se esquece.
Terra amada de meus sonhos
Caminhos percorridos no tempo
Em busca de mim, de minha essência e vida.
E nesta busca retorno a Goiás.
Percorro ruas, casas e amigos.
Eliete Pacheco
que bem entende de minhas caminhadas
e minha sana loucura
obrigada por existir nesse Goiás.
Como é bom os reencontros.
Hoje volto a Goias em busca de vida, de amor e paz.
É aqui que encontro a essência de tudo.
Goiás é vida e amor.
É acalanto e amparo.
Poesias e canções
Natureza a perpetuar por mãos milagrosas de
Goiandira do Couto,
com suas areias multicoloridas e vivas da nova era.
Eternizada por sua Luz Divina a lhe inspirar tanto encanto e beleza.
Goiandira, grande Artista da Existência,  única e soberana
Mil louvores a ti, minha amada.
Goiás, sensibilidade à flor da pele.
Meu torrão amado e nunca esquecido.
É aqui que quero deitar nas águas e adormecer minh'alma.
Volto a ti, pois vida busco e só aqui poderei tê-la novamente.
Goias de minhas andanças, de minhas saudades.
Terra abençoada e acolhedora
À todos o meu amor e gratidão.
E à natureza que me encanta
Mil louvores .

09.11.1998
ZEL
Enviado por ZEL em 06/01/2005
Código do texto: T1247
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ZEL
Aparecida de Goiânia - Goiás - Brasil, 69 anos
311 textos (33905 leituras)
8 e-livros (802 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/16 04:03)
ZEL