Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Na penumbra do tempo




O encanto não morreu
O amor não se findou
Só falta aqui ser eu
E tudo o que eu sou

Na penumbra do tempo
Busco o coração
Carregado de alento
Pleno de emoção

Viver novo amor
Ser triste ou contente
Que antes aqui o sabor
Que ali o descontente

E se ele não vier
Deixar-me o seu querer
Saberei o que ele quer
Quando houver perder

O encanto não morreu
O amor não se findou
Ainda hei-de ser eu
E tudo o que eu sou

 
Jorge Humberto
18/03/06

Jorge Humberto
Enviado por Jorge Humberto em 18/03/2006
Código do texto: T124886
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Humberto
Portugal, 50 anos
2622 textos (66675 leituras)
22 áudios (937 audições)
13 e-livros (541 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:11)
Jorge Humberto