Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nova tarde de chuva!

Sacolas vazias, trovões sobre árvores,
Renovando os ares domésticos
Relaxe, lá vem mais um gozo...
Varais para arrumar toda a acústica,
Sem correria, há tempo para tudo,
Novos projetos pintam na tela,
Água salgada & outros ungüentos,
Especiarias para aumentar o prazer,
Frisante gelado para a estréia,
Novo palco para surtar todos os desejos,
Sacolas cheias, cadeira deixado no canto,
Pares pendurados, os seios livres,
Boca sedenta de muitos beijos,
Falta colocar um espelho novo
Que toma todo o corpo, frescor de banho,
Toda volúpia que o olhar revela,
Muitas horas de espera, sempre mais,
A cor não deve importar, de fato...
O meu teso rijo aponta para a devastação...
Reclamações? Deixa para lá...

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 21/03/2006
Código do texto: T126298
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:55)
Peixão