Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cenas Tropicais – III

O cheiro que a chuva traz na noite
Anjos rebeldes vacilam de novo
Luz na seara, flora cáustica,
Vinte e uma e quarenta e cinco
Saída sem nenhuma ocorrência
Pare de beber compadre,
Um poeta acendeu o Big-Bang
Pelo amor que irradia à vida...
E você aí que está parado
Tire a bunda do sofá, faça alguma coisa...
Drogas apenas pervertem a realidade
A vida é sempre muito melhor,
Incultos só se preocupam em acumular
Pilhas com soberba fazem fila no inferno,
Serração para o domingo à tarde
Por baixo comendo raiz de grama
Titânicos arremessos vindo do infinito
Liteira de passagem, portas do Nilo,
Água potável, café & especiarias...

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 22/03/2006
Código do texto: T126674
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120251 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 06:31)
Peixão