Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ETERNOS PLAGIADORES

Plagiadores,
Imitadores,
Copiadores,
Eternos refletidores de imagens alheias.
Imitamos o andar
Imitamos o falar e os gestos,
Imitamos as opiniões...
Eternos plagiadores

Imito meu pai,
Imito minha mãe,
Imito meu irmão mais velho,
Eterno imitador

Querer ser autêntico!
Plagiar autenticamente,
Porque até a autenticidade
Está carregada de plágio
Plágio de ser,
Plágio de viver,
Plágio de morrer

Até para morrer plagiamos!
Eternos plagiadores.
O mais autêntico de fato
É aquele que plagiando confessa-se como tal,
Mas o seu plágio é autêntico
Tem seu tempero, seu molho, seu sal.

O orgulhoso não imita
Esconde-se atrás de uma cortina:
A cortina da autenticidade.
Quando ele imita, ninguém percebe,
E jamais é reconhecido como tal

O simples, o autêntico, este imita,
Mas o seu plágio é verdadeiro, é real
Porque o seu plágio tem seu tempero,
Tem seu molho, tem seu sal
djalma marques
Enviado por djalma marques em 25/03/2006
Reeditado em 24/09/2010
Código do texto: T128317
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
djalma marques
Recife - Pernambuco - Brasil
67 textos (7454 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:22)
djalma marques