Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A RUA.

Instalaram em minha rua
O nôvo computador,
Trinta e dois ponto sete um seis,
Computaram-se então os fatos.

Nesta rua corre o sangue
Duas gramas por minuto,
Em sete dias doze atropelados,
Vinte e dois presos
Por desordens várias,
Cortorze por atentado ao pudor,
Outros quinze surraram a mulher,
Trinta e três portavam maconha,
Doze atiravam a esmo,
Vinte e seis por assalto e roubo,
Outro sete por atos descontrolados
Sem exata qualificação,
Somados, salva engano,
Cento e quarenta e três.

Os demais
Não puderam ser computados
Por causas diversas, tais como,
Abrigar-se da chuva,
Espiar o céu do alto de um muro,
Morar dentro de uma chaminé,
Empinar papagaio sem ventar,
Tocar um tango argentino,
Gritar sem motivo algum,
Estar prestes a nascer.

(D'Eu)
Sidnei Levy
Enviado por Sidnei Levy em 25/04/2005
Código do texto: T12936
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sidnei Levy
Campinas - São Paulo - Brasil, 71 anos
298 textos (20819 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:24)
Sidnei Levy