Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lembranças

“Há rugas na beleza do teu rosto
e o gosto da ilusão já se desfez.”
(Reinaldo N. Luciano - “Amor cego”)

-----

A nossa juventude é só lembrança.
O tempo muda tudo ao bel-prazer.
Pedaços da memória, sem querer,
nos levam a pensar como criança
e fazem dos retraços longa trança
em que nos enredamos quando em vez.
Porém a natureza dita as leis
e mostra todo o tempo decomposto.
Há rugas na beleza do teu rosto
e o gosto da ilusão já se desfez.

Mudou teu pensamento, o teu semblante,
o riso do teu rosto é diferente...
Aquele doce olhar de antigamente
ainda existe, mas é inconstante
e já não vês em mim o teu amante
em que depositavas tanto gosto.
Há rugas na beleza do teu rosto
e o gosto da ilusão já se desfez,
mas inda acaricio a tua tez;
sou teu amante ainda, e bem disposto.
Paulo Camelo
Enviado por Paulo Camelo em 25/04/2005
Código do texto: T12985
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Paulo Camelo - www.camelo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Paulo Camelo
Recife - Pernambuco - Brasil, 68 anos
909 textos (260181 leituras)
36 áudios (10732 audições)
6 e-livros (1679 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:53)
Paulo Camelo

Site do Escritor