Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Alguma visão diferente...

Alguma visão diferente
Espaços inteiros de alguma coisa
Alguma coisa verde feito campo
Pairando em cima dos olhos fechados
Alguma coisa por cima da cabeça
Os cabelos quase raspados
Um arco-íris de cores não definidas
Um beijo na boca no corredor escuro
Um bolso vazio, a camisa para fora
Tem um sinal dizendo para ficar parado
A rua continua em movimento
Tem um rock alucinando minha cabeça
Mais um pouco de fumaça saindo do peito
O seu peito na minha mão quente
Outro beijo na boca depois da hora
Passando por cima de um viaduto
De cabeça para baixo de novo
Sereno na Ilha do amanhã
Trago outro trago na bolsa dela
Uma garrafa vazia navegando na rede
Até a janela está fechada
Tem telefone mudo no fim de semana
Mas que dia é hoje?
Ainda saí para comprar um jornal que nunca me lê
Falta outra visão daquilo na TV
Com tanta chuva que não cai na hora certa
E você me pede para ir devagar
Não fique tão tensa
A semana também doeu em mim.

Peixão89
Santo André-SP-Brasil
Peixão
Enviado por Peixão em 25/04/2005
Código do texto: T13001
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:31)
Peixão