Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

nos basta o sonho de hoje

nos basta o sonho de hoje,
nem o pensamento de amanhã,
nem a cabeleira grisalha de roger watters
nem a loucura, a guerra
ou a alienação,
nos basta o sonho de hoje...

nem o preciso piano inexato apaixonado de beethoven
nem, se por ventura, a perfeita adequação tecnológica entre mozart e a loucura,
ou um trem rasgando a trilha de villa lobos,
não,
não nos basta a voz de rita lee
e as guitarras esquizóides dos “mutantes” ou se a loucura de sid barret,
nem nos basta, se nos bastasse, a voz profética de bob marley,

a canção não nos basta mais,
nos basta o sonho de hoje,
nem o sofrimento instantâneo de acontecer e nem a dor,
não nos basta,
nem nos bastam as crianças de portinari,
se nos bastasse o comunismo de rivera ou o pé de frida khalo
penetrando o inconsciente,

de forma alguma basta,

nem a mente alucinada de dali
ou o padre abençoando
pelo pai, o filho e o espírito santo
não nos basta,
nem os estudos anatômicos de michelangelo, não valem, não nos bastam, não fortalecem o corpo do joão paulo II,
nem a absurda concessão de imagens de saramago,
e se nos bastasse o verso de pessoa
distante do uno de rohden, não nos basta a consciência perdida
nem a humilde revelação de bandeira,
a sonâmbula costura dos vestidos de noiva,
nem nos basta galileu nem a maçã de adão e eva sobre a cabeça, ou mesmo einstein ou sermos relativos tempo, espaço ou memória,
ou a necessidade patética dos românticos,
o processo evolutivo e seletivo de darwin e se talvez bastasse baudelaire e o decadismo...
se rousseau e um terremoto...
o iluminismo e voltaire e o elogio da loucura...

nos basta o sonho de hoje,
que me importa nietzsche, schopenhauer ou platão?,
aristóteles me importa?,
os quatro elementos não são essenciais,
ou jesus cristo?, não existem cristos, existem cruzes e rezas noturnas,
nos basta o sonho de hoje,

sófocles, aristófanes, maquiavel,
os italianos, os russos, o colonialismo, o coronelismo,
brecht ou vianinha?,

sequer bastasse a eletricidade, a luz ou a energia cinética,
nos basta o mito?,
não basta,
nem a viola dos sertanejos na noite quando a lua está inquieta
nem a contemplação de thoureau
ou os naturalistas,
quiçá a política ou a ética,
gandhi, buda, spinoza, kierkegaard, senhores e senhoras aqui presentes,
estrelas no céu ou o páramo azulado
de nossos olhos.

nos basta o sonho de hoje,
nem mulheres nem bebidas, rapazes bonitos e moças enjeitadas,
pêlos e cobertas,
d. pedro I, II, joana d’arc ou joana a louca,
paulo de tarso,
machado de assis, francisco de assis, santa clara e o teorema de pitágoras,
a sarça de fogo no monte sinai...

queria bastasse o teu beijo,
nos basta o sonho de hoje,
nos basta a serenidade com que nos olhamos,
nos basta essa dor roendo os nossos lençóis ‘marelecidos?,
nem maria mãe nem os segredos de lúcia,
nem remelas nos olhos ou a tramela que fecha a fenda das patentes,
nem epicuro ou saladas de tomate envenenadas
ou o licor de sócrates,
nem deus,

se nos bastassem deuses!.
nos basta o sonho de hoje,
somente este nos basta.

nem napoleão nem hitler nem o palácio dos poderes,
nem, por acaso, a sétima arte, a oitava que há de vir, e aquela outra que perpetua a nossa natureza,

nem a verdade, sobretudo, nem a verdade,
não nos basta,
nem a divisória linha dos loucos no hospício
ou artaud,
nem guevara ou pstu, nem marx ou max webber,
xuxa, as divindades de satã e john milton,
ou krishna, vishnu, brahma, coca-cola,
glauber rocha
ou lampião,
bakunin, john lennon ou o sonho hippie, o hip-hop, o sol e a lua,
nos basta o sonho de hoje,

nem freud nem id, ego ou superego,
ou mesmo um nirvana,
ou fellini.

nos basta o sonho de um dia,
este exato momento, este inexato pensamento.

(11/03/2005)
andré boniatti
Enviado por andré boniatti em 29/03/2006
Código do texto: T130481
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
andré boniatti
Corbélia - Paraná - Brasil
288 textos (45252 leituras)
17 áudios (888 audições)
14 e-livros (768 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 04:59)
andré boniatti