Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não posso aceitar

Não posso aceitar um poeta de coração de pedra,
Que maldade destila, como um veneno mortal...
Não posso aceitar um poeta de alma negra
Poeta é um ser divino, um anjo peregrino
E suas asas são palavras formando grinaldas
De flores, doce mel, amor puro, transcendental...
Não posso aceitar um poeta que espalha o mal...
Poetas são mensageiros de Deus,  espíritos
Trazendo para a terra a incumbência
De transformar, iluminar, apaziguar.
Não posso entender um poeta,
Cujo peito escuro, ferve em ódio...
E a palavra fere como um punhal...
Poeta é a voz do povo que sofre,
É o apostolo clamando aos homens paz
Em plena guerra, em meio ao vendaval...
Não posso aceitar um poeta desumano,
Que traz dentro de si o micróbio da inveja,
Do egoísmo, do egocentrismo, do escárnio...
O poeta é uma partícula de cintilante luz,
Seu proceder é justo, discreto, impávido.
O poeta é a voz de todo aquele que carrega
Humildemente a sua cruz!
 
Mary Trujillo
24.10.3004
 
No puedo aceptar
Marilena Trujillo
 
No puedo aceptar un poeta con corazón de piedra,
Que maldad destila, como un veneno mortal...
No puedo aceptar un poeta de alma negra
Poeta es un ser divino, un ángel peregrino
Y sus alas son palabras formando guirnaldas
De flores, dulce miel, amor puro, transcendental...
No puedo aceptar un poeta que difunde el mal...
Poetas son mensajeros de Dios, espíritus
Trayendo hacia la tierra la incumbencia
De transformar, iluminar, apaciguar.
No puedo entender un poeta,
Cuyo pecho oscuro, hierve en odio...
Y la palabra hiere como un puñal...
Poeta es la voz del pueblo que sufre,
Es el apóstol clamando a los hombres paz
En plena guerra, en medio del vendaval...
No puedo aceptar un poeta inhumano,
Que trae dentro de sí el microbio de la envidia,
Del egoísmo, del egocentrismo, del escarnio...
El poeta es una partícula de centellante luz,
Su proceder es justo, discreto, impávido.
El poeta es la voz de todo aquel que carga
Humildemente su cruz!
 
Mary Trujillo
24.10.2004
Versão em espanhol: Alberto Peyrano
 
Respeite os direitos autorais
Mary Trujillo
Enviado por Mary Trujillo em 31/03/2006
Código do texto: T131688

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mary Trujillo
São Paulo - São Paulo - Brasil
387 textos (25776 leituras)
41 áudios (1840 audições)
8 e-livros (1171 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:45)
Mary Trujillo