Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Abraço

No silêncio do meu abraço,
Te confesso a minha paixão...
Quase fugindo do seu espaço,
Meu coração quer tocar seu coração...

Segundo resumem anos, dias e horas...
No toque dos nosso corpos serenos.
O pensamento chora, implora,
Para que o momento não seja pequeno...

O corpo quer prolongar o instante.
Quer beijar, sentir, amar...
Tornar pleno, constante,
O que está para acabar...

No embate entre sentimento e razão.
Acho que a luta nunca vai terminar...
Sofre mente, corpo, coração.
No desejo de harmonizar...

E o abraço termina...
Como se nunca quisesse acabar...
É na verdade uma sina,
Ter tão perto, quem não se pode amar...
Nagredla
Enviado por Nagredla em 06/04/2006
Reeditado em 22/04/2016
Código do texto: T134592
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nagredla
Miguel Pereira - Rio de Janeiro - Brasil, 51 anos
233 textos (49740 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:33)
Nagredla