Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sentinela

Essa janela que libera o ar
Enchendo o pulmão do amar
Libertando a letra avulsa
Compactando-a ao pulso que pulsa.

Ao poeta nada mais resta
A entrega ao que se presta
Na linhas imaginárias flutuantes
Nas sombrias madrugadas cativantes.

Então as frases se tornam elos
Ligando dois mundos paralelos
Onde a poesia e somente ela

Perdida entre a realidade
Complexa intensidade
Perante a escuridão se faz sentinela.


PS>>> Lindo quando as sementes lançadas se tornam flores.

Paz e luz.
HM Estork CCoelho
Enviado por HM Estork CCoelho em 06/04/2006
Reeditado em 25/02/2009
Código do texto: T134606

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
HM Estork CCoelho
São Sebastião - São Paulo - Brasil, 41 anos
927 textos (49175 leituras)
8 e-livros (486 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:38)
HM Estork CCoelho