Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor de Saias

meu amor de saias
me largou.

e largou tudo.

parou de fumar,
não bebe mais,
não sai mais
à noite,
parece que
abandonou o mundo.

não gosta mais
do sol
tem rinha
com a lua,
despreza
as estrelas.

bem, o céu,
nem falar,
nem com reza
ela olha mais.

tá enjoada do
mundo.

tá enjoada
das esquinas,
dos drinques,
das mesas
solitárias,
ondem dorme
gente
sem pátria,
sem dor,
de copo na mão
sorvendo solidão.

eu...
eu apavorado.

ela até me largou
- o amor de minha
vida -.

me largou
dizendo
que sou
cinzento,
azedo,
arvorado de
idade,
enfim,
uma coisa
só:

meu amor
abandonou
o mundo
e eu fui junto
igual santo
sacramentado
na deixa dela,
procurando
paramentado
quem mudou
minha amada.

zeus!
que bom que choro!
zeus !

acode quem de só
ficou !
acode este homem
de três vezes
três mortes,
que já nem
acredita mais
nem no bondoso
deus!
José Kappel
Enviado por José Kappel em 06/04/2006
Código do texto: T134643
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26785 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:47)
José Kappel