Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Somente Uma Lágrima

Somente Uma Lágrima.
(Sávio Assad)
 
Hoje uma lágrima desce do meu rosto,
Rosto solitário e de muito tempo vivido,
Lágrima essa morna, salgada e transparente,
Que só as pessoas mais sensíveis podem ver.
 
Sigo caminhando ao sabor dos ventos,
Atracado a sentimentos ocultos e ternos,
Com o peito a explodir a cada minuto,
Com saudade de você, que iluminava minha vida.
 
Você partiu sem dizer adeus, sem olhar para trás,
Fiquei no porto a te seguir com os olhos,
Só percebendo a lágrima transparente e solitária,
 Caindo em meu rosto, num silêncio profundo.
 
Sem perceber, me carregou com você,
Deixando aqui, só um corpo sem direção,
Uma vida sem sentidos e sem coração.
Niterói - RJ 22/11/05
Sávio Assad
Enviado por Sávio Assad em 06/04/2006
Código do texto: T134713
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sávio Assad
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
419 textos (26705 leituras)
19 áudios (1373 audições)
4 e-livros (106 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:20)
Sávio Assad