Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Seres da Vastidão

Oh imensidão que afoga todo o meu ser
Dizei se é nesta vida que irei te compreender?!
Mar das coisas perdidas
Cores de o eterno anoitecer
Grandes frustrações da vida
Poderei vos compreender?!
Amanhecer que não se completa
Penumbras do entardecer
Quando vos revelareis à visão de meu ser?!

Porque do lado que me esvazia
Essa dúvida me consome!
Porque quando tudo se esfriando
Essa dúvida ainda queima!
Porque quando é grande a alegria
Essa dúvida me entristece!

Oh lugar de promessas, de seres invisíveis!
Promessas nas quais acredito por não haver
Mais em que acreditar!
Oh lugar de existências duvidosas
Que pairam em meu sonhar!
Quando te conhecerei?!
Quando no teu interior irei entrar?!

De que forma vivo
O momento intervalar
Do não haver e do existido
Dos seres que vivem a buscar?!
De que forma vivo
Se neste vasto mundo
Que se reflete em meu olhar
Inexiste o espaço de me acomodar?!

Oh lugar de sonhos
Tua força me atrai!
E o amor meio tristonho
Me conduzindo vai
Por umas vias dissolvidas
Em dúvidas perigosas
De incessante refletir
Em que existir é uma incógnita
Num paradoxo infinito,
De infinito sentir.

Oh lugar de amores
Reunião de todas as dores
Motivo de todos os temores
Em que segredo te encontro?!

Seres da noite,
Seres da vastidão!
Se conheceis esse lugar
Se conheceis quem conhece esse lugar
Se conheceis quem ouviu desse lugar
Dizei!
Dizei e dai rumo ao meu caminhar
Que se perdeu neste vasto mundo!
No qual se perdeu o vasto mundo!
Que se perdeu nesse vasto mundo!
No qual se perdeu o vasto mundo!
Sebastião Alves da Silva
Enviado por Sebastião Alves da Silva em 07/04/2006
Reeditado em 10/08/2006
Código do texto: T135540
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sebastião Alves da Silva
Imperatriz - Maranhão - Brasil
687 textos (27270 leituras)
2 áudios (87 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:38)
Sebastião Alves da Silva