Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Diva E Dádiva

Faço de tuas linhas,
As curvas do corpo que desejo,
Das palavras que busco, busco você,
E num sussurro declaro minha paixão...

Não a intitulo, seja Diva, seja Dádiva,
Transcrevo flores e sinto teu cheiro,
Falo das canções e ouço tua voz,
Decifro mistérios do coração e guardo teus segredos
Declamo a lua, o sol, as estrelas e as oferto a você...

Minha Diva,
Minha Dádiva
É você a poesia, e feito a um espelho d’água
Reflito nele todo o meu amor,
Ainda que em versos eu me declare...

Aqui muitos hão de se encontrar,
Já que poesia é do mundo sem dono,
Só se pertence ao poeta,
Enquanto em seu coração fizer morada...

Mas o amor não,
Amor tem dono...
Tem no coração seu ponto de chegada,
De partida... Só em busca de outro amor...
ziza Silvestre
Enviado por ziza Silvestre em 14/04/2006
Reeditado em 11/06/2006
Código do texto: T139169

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ziza Silvestre
Ourinhos - São Paulo - Brasil, 53 anos
217 textos (14094 leituras)
1 e-livros (52 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:41)
ziza Silvestre