Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

meu caro

è meu caro amigo,
não tem me aliviado em nada...

...assim como a tristeza
que teima em regressar
martelam em nossa mente,
sem ela não existe paz
não tente disfarçar
chega de saudades,
pois se ela voltar,
voltará de uma forma mágica única
abraços e beijinhos
como à primeira vez que nos beijamos,
ela tem um encanto chato
ipnotizante
diafragmático,
um soluço
que não passa com o susto,
supérfluo as vezes me faz confuso.
Nunca disse que não queria
preste atenção
o mundo seria mais simples
deixando de lado o orgulho
sem solução,
um dia calmo
voltariam a ser o calmante
fora da cama
dentro amante
voltamos ao drama...

... estou disforme
confuso e claro
assim como nossos papos caro amigo,
a coisa mais linda que existe
não deveria emitir som
nem mesmo pensar
deveria apenas calar e aceitar,
precisamos delas
só delas
preciso tanto amar
uma de cada vez
uma para todas as vezes
a única...

... a súplica.
Marco Cardoso
Enviado por Marco Cardoso em 17/04/2006
Código do texto: T140407
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marco Cardoso
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil
1601 textos (34634 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:37)
Marco Cardoso