Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Linha ao Meio

Linha ao meio

Já não posso voltar, porque em mim, nada veio.
Pegaste esse pedaço de linha, que desenhava minha vida,
Decompôs para panos rasgados
Apodrecidos em risadas, vertidas no coloridos das minhas lágrimas
Fiapos...
Trapos esmagados por teu coração sem cor.
Matizes empobrecidos porque no espelho não refletia a tua imagem.
Mas, pelo meio me partiu, jogando-me no derretido do asfalto quente
Farto a tua sede, a tua fome.
Mas não queira te fartar com meus desfiados embaralhados.
Pedaços vazios...
Partidos ao meio
Mil tentativas em vão
Conseguiste apenas jogar-me no lodo do teu coração.

Verônica Aroucha

Verônica Aroucha
Enviado por Verônica Aroucha em 01/05/2005
Código do texto: T14041

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verônica Aroucha
Recife - Pernambuco - Brasil
122 textos (7752 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:06)
Verônica Aroucha