Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRAGMÁTICA
BH,26/mar/2005

Atrás das palavras
trabalho a sobrevivência da alma.
Que a do corpo, impertinente,
segue tirando-me a calma.
Atrás de cada verso
contabilizando os saldos.
Mas ante números reais
sem fundos e sem lastro
o meu verso tergiversa,
traça um desvio semântico,
não deixa rumo nem rastro.
Atravessa e desconversa,
busca atalho mais romântico.
Com as pernas da gramática,
busco um desvio, refúgio,
distante da matemática.
Atrás das palavras
sobrevivo aos números da vida.
Pragmática.
Débora Denadai
Enviado por Débora Denadai em 18/04/2006
Código do texto: T141178

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Débora Denadai
Caracas - Distrito Federal - Venezuela, 54 anos
722 textos (154033 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:14)
Débora Denadai

Site do Escritor