Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

No placar eletrônico.

Há várias degrades de cores
Do céu à terra.
Repentinamente desloco o meu corpo
Em velocidades tangíveis e inspiradas,
Para justamente provocar
Uma ilusão de ótica e sentimentos,
Em volta do meu perfíl físico.
Em dado momento rodopiei no chão,
Impulsionei meu corpo num salto,
Fiz dois giros de 360 graus no ar,
E saudei a plateia no solo.
Não saía da minha cabeça
Aquela massa compacta.
De rostos,
De cores,
De gritos,
E de emoções.
Iluminado fiquei
Quando a pontuação máxima
Integrou-se ao meu nome.
Não resisti,
Agradeci.
E disse:
A poesia é assim...
Condor Azul
Enviado por Condor Azul em 18/04/2006
Código do texto: T141388
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Condor Azul
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 54 anos
721 textos (26286 leituras)
1 áudios (175 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:07)
Condor Azul