Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0269 - Caminhos


 
Quando precisei seguir... parei,
entendi errado o que é o amor,
perdi-me ao invés de segurá-lo,
corri antes do abraço,
começo novamente, até quando...
 
Não sei quando me sentir feliz,
preciso ainda me acostumar,
julguei necessário caminhar,
fui por corações, por corpos,
um dia alguém vai me acordar.
 
Trocarei minha roupa de paixão,
vestirei alguma coisa que me sirva,
pode ser um carinho a mais,
misturado a enfeites mais simples,
também a beijos e algum calor.
 
Sigo alguns costumes antigos,
preciso mudar, não me entregar...
se achar que nada valeu, volto;
pelo mesmo caminho, talvez...
é incoerente amar, depois apaixonar.
 
Que meu amor não se perca,
ainda que nenhuma mulher entenda,
tentarei mais firme, mais forte,
apesar de que com o amor não se pode ter pressa,
continuo apenas mais um apaixonado.
 
10/05/2005

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 02/05/2005
Código do texto: T14339
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116253 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:15)
Caio Lucas