Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Me Segure


Há um mundo dentro de mim agora que você nunca poderá ver.
Há segredos nesta vida que eu não posso esconder.
Em algum lugar nesta escuridão há uma vida que eu não consigo
achar.
Talvez ela esteja se afastando de mim aos poucos ou talvez eu não esteja querendo enxergar.
 
Então me segure bem forte enquanto eu estou por aqui
Me segure quando eu estiver assustada e me ame quando eu tiver part ido.
 
Tudo que eu sou é apenas o que restou, fragmentos de mim
Quero ser o que você queria que eu fosse.Mas não sou assim.
Eu nunca te decepcionaria até mesmo se eu pudesse.
Eu deixaria tudo só para seu bem.
Abriria mão de algo, de alguém
 
Assim, me segure enquanto eu ainda estiver por aqui
Você pode me segurar quando eu estiver assustada, mas você não
estará sempre onde eu precisar, eu sei ...
Assim me ame quando eu tiver ido, me ama quando eu tiver partido.
Pq preciso ir.

Eu sei que ninguém tem idéia de como eu me sinto por baixo do meu sorriso.
Os tombos que eu tenho caído, cada vez mais doloridos,e  eu torno a cair
Vagando agora por esta escuridão eu estou viva por fora, mas por dentro estou tão fria.
Só eu e esse vazio, vulnerável, frágil, e só.
Por isso eu preciso ir, preciso buscar algo melhor.
Algum vestígio de cor, vestígio de amor antes de virar pó.


                                         NÁDIA LUZ.
direitos reservados Nadia Luz
Enviado por direitos reservados Nadia Luz em 23/04/2006
Reeditado em 10/05/2006
Código do texto: T143861
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
direitos reservados Nadia Luz
Londrina - Paraná - Brasil
80 textos (7863 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:02)
direitos reservados Nadia Luz