Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANJO TORTO


Se me mandam, pouso sobre a tua cabeça
Igual uma sombra sobre quem atravessa um deserto;

Sobre a alma aberta da flor, que só se abrirá numa noite,
Pousa a minha mão para que ninguém a fira enquanto floresce:
A Flor se prepara numa primavera,
Ao seu redor haverá perfume,

Só vim para cuidar-te um pouco,
Velar a tua curta noite de deserto:

Só é frágil por pouco tempo a fina flor que respira,
Só até que se feche em duro e imbatível fruto as novas sementes.

Só até lá deverá o jardineiro cuidar da flor,
Depois em muitas terras se espalharão seus frutos.

Curto deserto vejo,
Não tardará em desaparecer...

Breve é a dor, logo passa,
No escuro, a mão firme; na luz aprenderás a sorrir.
Chico Steffanello
Enviado por Chico Steffanello em 23/04/2006
Código do texto: T143895

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Chico Steffanello
Sinop - Mato Grosso - Brasil, 58 anos
246 textos (31024 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:03)
Chico Steffanello