Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ave Ensinada

Assim sou eu:
filho de dois pares,
de pai ferreiro e
mãe dengosa.

Por isso,
sou só isso,
e sou assim.

De dia sou sonhador,
mas sem posição definida.
À noite sou pescador
de almas,
caço,para alimentar
meu espírito.

Vou levando minha vida
igual a ave ensinada:
falo quando tenho que falar;
me calo, quando, só quando de dor,
corrói meu peito.

Assim, senhoras e
senhores,
de afagos estou
precisando.
Pois de vazio e solidão
faço minha mala
e vou tentar outro.

Outro mundo que não rabisquem,
toda hora,
a sombra dela,
no meu caminho
de bem !
José Kappel
Enviado por José Kappel em 24/04/2006
Código do texto: T144311
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26780 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:27)
José Kappel