Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RETINAS PASSADIÇAS

(Torres, divisa com a bela Santa Catarina,
cenário diferenciado da costa marítima do Rio Grande)

Um rio serpenteia serras e baixios.
É o velho Mampituba, o rio dos botos,
reduto de molhes ventando sempre,
artéria viva de barcos e sol,
orgulho da pesca artesanal no Brasil Sul.
À noite, convivem os olhos vesgos
de maresia sobre torres de sinalização,
faróis dos automóveis e a luz dos postes
ao longo das margens de rio e povo.

Um pequenino barco cruza à frente
do pescador: o anzol a esmo
parece fisgar a fatia de lua
retratada no dorso das águas.
Acomodam-se pedras, algas e maresias.

Os olhos agradecem a beleza restada
nas retinas passadiças no Passo de Torres.

Há uma parceria de amor nas trilhas
de vidas simples e pele tostada.
Entre uma e outra lufada de vento,
bebe-se a vida em pequeninos goles.

– Do livro OVO DE COLOMBO. Porto Alegre: Alcance, 2005, p. 89.
http://www.recantodasletras.com.br/poesias/144436
Joaquim Moncks
Enviado por Joaquim Moncks em 24/04/2006
Reeditado em 02/07/2011
Código do texto: T144436
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Joaquim Moncks). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Joaquim Moncks
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
2581 textos (709611 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:34)
Joaquim Moncks