Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Onde Lá, Mora a Luz

Não era uma vez,
que
foi levantando
o pó da vida,
que encontrei você
agastada,
no meigo mundo
que te fizeram.

Foi erguendo bandeiras
dos sem pátrias;
foi carregando espadas
sem nome,
foi empurrando as cinzas,
e sufocado com minha
própria voz,
que consegui,
era uma vez,
te conquistar.

Mas foi por pouco,
muito pouco,
que sua vida não foi
minha vida.

Um cavaleiro de
cisco dourado
sobrejou da esquina
e, soberbo como
as cotovias da primavera,
chamou pelo seu nome
e levou você e minha dor.

E era uma vez,
sem hora marcada,
sem dono,
atrelado à dor
que, penso agora,
cadê você?
José Kappel
Enviado por José Kappel em 28/04/2006
Código do texto: T146645
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26783 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:26)
José Kappel