Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SANTA, EU?

Eu não sou santa não!
Aliás, nunca tive essa pretensão!
A única coisa que quero, que prezo
É ser verdadeira, inteira, sem medo...
Não quero ter nenhum preconceito...
E poder viver intensamente meu tempo
Porque não sei qual a sua duração!

Quero amar e ser amada...
Fazer todas as loucuras que imaginar...
Quero você em minha cama...
E reaprender com você a gozar!

E se nesse nosso encontro,
O amor não se realizar...
Pode ter certeza... outro eu vou procurar!

E serei uma eterna busca...
Pela minha felicidade, minha realização...
Porque não são só vocês homens
Que tem direito a ter tesão!

Sou mulher e me assumo...
Como carne, sentimento, vontade...
Mas te prometo um jogo limpo...
E ser sua enquanto você corresponder...
Ao homem que eu mereço ter!

O mesmo direito dou a você...
De me deixar, quando quiser...
Eu só quero um jogo limpo...
Não acredito em amor eterno...
Prefiro um amar sincero...
Que se declare quando acabar...
Assim teremos mais um tempo
Para outro amor encontrar!
Enloucrescida
Enviado por Enloucrescida em 29/04/2006
Código do texto: T147143

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Enloucrescida
Santo André - São Paulo - Brasil
634 textos (89724 leituras)
14 áudios (2047 audições)
4 e-livros (1046 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:39)
Enloucrescida