Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Bola de Fogo

Uma bola de fogo despencou
em meu corpo e,
um ramo pedregoso de fúria
me chamou prá me controverter.

Se era um, virei a metade,
se acreditava nas diabruras
do tempo e nas coisas de fé,
passei a acreditar mais.

Passei a crer,
no meu canto de erros,
que se existe um céu
ela está lá;
e se transformam rainhas
em estrelas, ela já é uma.

Acredito no fim de cada um,
e agora muito no novo início:
se me foi retirado minha flor de
beleza,
tenho certeza,
com simples presença,
que amanhã não ser
outro padecer.

E o que que se tira hoje
se repõe amanhã!

Mas, oráculos do Tempo
de Trevas!
Tinha que ser a quem
mais amava?
José Kappel
Enviado por José Kappel em 02/05/2006
Código do texto: T148829
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26777 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:04)
José Kappel