Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"A MESMA RUA MODESTA"


As árvores da minha rua
eram sem graça, sem tua presença,
hoje, todas as árvores da rua
parecem dançar, parecem sorrir...
com a querida presença tua.
A rua parece em festa,
a mesma rua modesta
que parece reluzir...
quando tu passeias aqui
parece que as flores te aplaudem
parecem todas sorrir...
antes a rua era escura
sem claridade e ternura
as árvores não tinham flores
hoje que estás comigo...
até os passarinhos cantam
dançam e brincam no jardim...
e o céu ganhou novas cores.
Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 03/05/2006
Reeditado em 03/05/2006
Código do texto: T149632
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Antonio Hugo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
3870 textos (257167 leituras)
185 áudios (36329 audições)
9 e-livros (7402 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 09:10)
Antonio Hugo

Site do Escritor