Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
      TRAIÇÃO NO JARDIM


No canteiro das flores não há abelhas
mas vespas negras de traição
de ataques fulminantes e mortais.
Rodopiam as sombra em redor
com ventos cada vez mais sufocantes.

Quem disse que eu passava por aqui?
Onde está quem de Judas se vestiu?

Urdem-se teias espessas e pesadas
que me cercam os passos.
Solto um grito em sirene pelo ar:
Eis aqui os monstros, os fantasmas,
os que todos odeiam, os que querem
fazer do pensamento um lixo inútil.

Manietam-me e transportam-me à força,
como um fardo.
Mas jamais conseguirão estrangular
a liberdade que me prende à terra.


 


                                                                                    (27 de Setembro de 1972)

CARLOS DOMINGOS
Enviado por CARLOS DOMINGOS em 04/05/2006
Código do texto: T150431
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CARLOS DOMINGOS
Portugal
80 textos (21280 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:00)
CARLOS DOMINGOS