Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Página em branco

Página em branco

Sereno desprendo a minh’alma
Sentindo o desejo, ser compreendido…
Nos teus lábios escrevo poemas
Nos teus seios bebo a calma
No teu corpo o sentido
E nesta página em branco
Onde guardas meus sentimentos
Escreve com ternura o meu pranto
Raiando  a beleza do encanto
Dá-lhe o título de amor
Alma Lusíada
Enviado por Alma Lusíada em 05/05/2006
Código do texto: T150588
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alma Lusíada
Portugal
104 textos (18765 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 22:42)